Para usar sozinha ou muito bem acompanhada, os brinquedos eróticos ou “sex toy”, são a pedida certa para quem deseja, não só o prazer próprio, mas turbinar a relação de uma maneira mais divertida e de quebra, descobrir as novas tendências desse mercado que não para de crescer e onde existe uma grande variedade de produtos, voltados tanto para mulheres quanto para homens, com opções para todos os gostos e bolsos.

Além de enriquecer o sexo e tirá-lo da mesmice, os brinquedos são ótimos para conhecer melhor a si mesma e ao seu parceiro. Também trazem novas possibilidades na cama, exercitam a criatividade e, claro, transformam os momentos à dois mais picantes e garantem as mais diversas sensações.

Tem curiosidade e não faz ideia de como desvendar o vasto mundo dos brinquedos sexuais? A Litoral Moda Íntima separou 9 “sex toy” que vão fazer sua noite ferver:

* Vibrador: ideal para os iniciantes com brinquedos sexuais, é um clássico. Auxilia na masturbação e pode ser usado para estimular outras áreas do corpo, como seios, coxas e abdômen. Para usar sozinha ou no meio da brincadeira com o parceiro;

* Tenga Egg: trata-se de um masturbador masculino em formato de ovo e é produzido para esticar por todo o comprimento do pênis. Possuem texturas diferentes e um lubrificante que ajuda na masturbação, e se virado do avesso, pode estimular a vagina também;

* Anel Peniano: o ‘queridinho’ dos casais, serve para retardar a ejaculação e mantem a ereção por mais tempo. Deve ser colocado na base do pênis e usado durante a penetração. Tem um mini vibrador na ponta, que estimula tanto o homem quanto a mulher;

* Plug Anal: para os mais ousados, o plug anal – como o próprio nome já diz – é utilizado para estimular o ânus ou para dilatar os músculos antes do sexo anal. Aconselhável para os casais já praticantes da modalidade, deve ser usado com bastante lubrificante;

* Estimulador Clitoriano: é indicado para usar durante a penetração ou o sexo oral. Provoca grandes sensações graças a vibração direta no clitóris;

* We Vibe: é um pequeno vibrador em formado de ‘C’, que combina a estimulação no ponto G com a estimulação do clitóris. Sim, ao mesmo tempo! O melhor é que pode ser acoplado a vagina e ainda dá espaço para o pênis, ou seja, pode ser utilizado durante a penetração e ainda beneficia o parceiro com as pequenas vibrações;

* Bolinhas Tailandesas: também para o sexo anal, auxilia na dilatação e facilita a penetração;

* Gel Retardante: esse gel diminui a sensibilidade do pênis e ajuda o homem mantem a penetração por mais tempo antes do orgasmo;

* Nipple Cover: na verdade, o Nippe Cover é mais um acessório do que brinquedo, pois é usado para enfeitar os seios. Você pode surpreender o parceiro de uma forma diferente e inovadora.

Como cuidar

Os brinquedos sexuais devem ser bem cuidados e higienizados, caso contrário, podem causar várias infecções. Por isso, é recomendável mantê-los sempre limpos e secos, e se for dividi-los com mais de uma pessoa, colocar uma camisinha para evitar contaminações.

Procure não utilizar sabonetes concentrados e finalize a limpeza com uma solução antibacteriana.

Quebrou. E agora?

Se por acaso o brinquedo quebrar, já existem lojas especializadas na manutenção desses apetrechos. Para evitar qualquer constrangimento, o melhor é que mande o objeto por correios, assim a identidade fica preservada.