Durante o mês de abril, o sexo anal entrou na lista de assuntos mais repercutidos nas redes sociais graça a aula que a cantora e influenciadora Kelly Key deu para a musa fitness Graciane Barbosa em uma live.

Aliás, esse tipo de sexo é um dos mais desejados. Afinal, muita gente tem curiosidade e faz parte do imaginário. Portanto, vamos deixar dicas para quem deseja começar.


Use plug anal

Para quem não conhece, o plug anal é um brinquedo sexual com formatos variados e foi desenvolvido especialmente para o prazer anal. Além de ser útil para os iniciantes, quem já é pró continua usando, pois dá prazer e existem até tipos vibratórios.

Pode ser usado independente do gênero e orientação sexual. Quem tem próstata é muito gostoso tê-lo ali, por exemplo.

Nas mulheres, exerce uma pressão que pode ser sentida através do canal vaginal. Além disso, o ânus é cheio de terminações nervosas que podem dar muito prazer.

Para os iniciantes ele se torna fundamental para explorar a área e ir se acostumando com a sensação. É seguro e confortável.

Ele ajuda a relaxar a musculatura do ânus e pode ser usado junto do sexo vaginal ou oral também.

Existem vários tamanhos e designs de plugs para tentar. O segredo do conforto está em sua anatomia geralmente com pontas estreitas que se alargam e estreitam novamente para ficar bem encaixado.

Além disso, para que não fique preso lá dentro tem uma espécie de parte achatada para que ele não seja sugado para dentro, além de facilitar a retirada.

Experimente usá-lo durante o sexo ou algumas horas antes e verá que a tentativa para introduzir o pênis ou prótese ficará bem mais fácil e menos dolorida depois.

Para colocar o plug anal é aconselhável que esteja excitado e ir abrindo espaço com os dedos primeiro. Depois, é só ir colocando o brinquedo lentamente na posição de quatro.


Quanto mais lubrificante melhor

Tanto para usar o plug anal, quanto para fazer o sexo anal, usar lubrificante é essencial. Afinal, a região não possui lubrificação natural e tentar enfiar qualquer coisa a seco pode causar machucados sérios.


Camisinha é essencial

Já que a região é cheia de bactérias e canal para que as fezes saiam, a camisinha se torna quesito obrigatório. Além disso, o sexo anal pode transmitir doenças sexualmente transmissíveis (DSTs), assim como infecções.

Saiba que o lubrificante mais recomendado para usar junto com a camisinha é o a base de água.


Limpeza é fundamental

Você já ouviu falar na chuca? Se não, ela é uma limpeza feita com água na região para retirar quaisquer resíduos de fezes que podem sair na hora do sexo. Além da alimentação leve, fazer a chuca é fundamental para que não haja surpresas desagradáveis, inclusive, antes de colocar o plug.


Faça sexo vaginal ou oral antes

Estar excitado é fundamental para que o sexo anal seja prazeroso. Portanto, invista em outros tipos de sexo ou em preliminares demoradas. A massagem também é recomendada, pois pode ajudar a aliviar o estresse e a ansiedade.